x

ORRÖR / Press

“Material fresquinho na área, aliás, ainda no forno, só esperando pra ser retirado e degustado. “Monstro Brasilis” está disponível somente para a mídia especializada (nosso caso, hehe) ou via reverbnation e myspace. O lançamento físico sairá via Carnificina Records (http://www.carnificina.com/). O trabalho é feito por um do que constitui em Pellizzetti (ex-Bodhum) em parceria com Perazzo (Enterro). O som é um Grindcore sério e feito com muita competência. A produção do trabalho ficou boa, mesmo com toda brutalidade imposta. A cozinha soa infernal com um baixo que estremece o cérebro até mesmo depois que acaba o EP. Os riffs são bem elaborados, bem influenciados pela escola Punk/Hardcore, mas com o peso do Metal extremo, como a escola pede, tendo como linha de frente um vocal cavernoso bem sinistro. São 13 faixas onde se pode escolher qualquer uma de olhos fechados. Vai conferir!”

"Orror" é uma banda vinda do Brasil, que desempenha um grindcore/hardcore e se prepara para lançar 13 faixas em seu álbum "Monstro Brasilis", através Carnificina Records (Brasil) e Give Praise Records (Sic) com distribuição para Europa, América do Norte, América do Sul e Ásia. Um sólido álbum de 13 faixas que é cheio de raiva. Diferente do que você pensa que vai ouvir, com algumas formas estranhas para mostrar suas trilhas, quem pensar ouvir este, vai encontrar uma trilha de 2 segundos ou até 8 segundos, um álbum que tem muita diversidade nas faixas e abusa dos ataques curtos, riffs furiosos e linhas de bateria, uma boa linha de guitarra que mostram muita raiva, linha de baixo com ódio e eficaz... e que estava prestes a explodir meus alto-falantes...vocais violentos. Ao ouvir "Imune" ou "fantoche", a banda conseguiu fazer você se sentir o calor, a aspereza, e a raiva se mostrando, a faixa 13 (Escola) faria o desejo que qualquer um bater cabeça com...

"Este álbum que resenho é uma prova disso que estou falando, e a ORROR é daquelas que não decepcionam. Com pé no Grind/crust, os caras fizeram um álbum impecável, principalmente em termos sonoros. ‘Monstro brasilis’ é uma devastação impiedosa sobre tudo que é podridão do sistema brasileiro. ... A abertura com ‘Imune’ é um indício de um Grindcore daqueles bem primitivos,.... .... com destaque para os vocais e a cozinha do baixo, ‘Letargia’, ‘Imune’ e ‘Dengue’ são daquelas pedradas que dão uma rasteira que nem se percebe quando chega. ‘Versus’ apresenta riffs que ecoam numa distorção soberba, e o baixo segura com eficiência a base. Já em ‘Santi’ temos aquela pegada visceral de matranca da bateria. A passagem ultra-rápida de ‘Morto’ e ‘Cadáver’ conduz a ‘Parasite’ uma das mais memoráveis do álbum, com uma mudança bem colocada de um ritmo devastador para uma linha hardcore mais tradicional..... boas variações, sobretudo

"Grindcore em estado bruto! E nacional! Uma dupla carioca infernal estreia com “Monstro Brasilis”, já candidato a um dos melhores lançamentos do estilo em 2012. ....As treze faixas primam pelo mais direto Grind, que lembra em vários momentos os deuses (ou diabos?) da Nasum, dada a “visceralidade” da coisa toda. ....dando enorme suporte ao instrumental, Pellizzetti manda muito bem no poderoso vocal, que consegue ser impactante nas músicas. Realmente está de parabéns pela goela o cidadão. A qualidade da gravação está excelente se contarmos que faz..."

"O ORRÖR, banda de Grindcore/Hardcore do Rio de Janeiro/Brasil, está antecipando o lançamento do CD ¨Monstro Brasilis¨ e lançando na rede, nesta segunda-feira 16, todas as faixas do álbum via Myspace, Reverbnation e Download"

“Orrör, grindcore/hardcore from Rio de Janeiro/Brazil, are anticipated about the release of their album "Monster Brasilis" on Monday 16th, all tracks of the album on: Myspace, Reverbnation and Download. Click READ MORE to watch the promo video”

“ORROR – Novo projeto de Grindcore O ORRÖR é a nova banda de Pellizzetti (Ex-Bateria e Vocal da banda BODHUM) em parceria com Perazzo (ENTERRO), um Grindcore de pegada indecifrável e cativante, um som brutal e gravado em extrema qualidade, o material oficial será lançado em março de 2012 (antecipado virtualmente em janeiro-16), com distribuição na América do Sul, Europa e Ásia, em uma parceria com 3 selos independentes.”

“!A banda carioca de Grindcore Orrör antecipou o lançamento do álbum "Monster Brasilis" para o próximo dia 16 de janeiro, segunda-feira. Segundo a nota emitida pela banda, todas as faixas estarão disponíveis em seu Myspace e Reverbnation, que já contam com um teaser do trabalho...!”