x

Anopsy / Press

“After getting the booklet of this demo of Anopsy, I come across such a title, viscera and see photos of the members covered in blood (or something of a similar color), one would expect insane Splatter / Gore, played at full speed. When "Sequels Of A Hammer" starts massacring the stereo, with the vocal line in a totally 'pig' execution, the impression that the band is appealing to these paths increases. Well, the sound of Anopsy brings enough of Splatter/Gore, especially in the lyrics but the sound goes off to the side of brutal Death Metal, with doses of heavyness, without getting caught only in being fast. What counted for a lot was that this material was well recorded, which left all the instruments with a well-defined sound. In some more elaborate movements the band gets to remember the old Cannibal Corpse. The basslines are great highlights of the band, since, in the midst of all that rot that is the instrumental part of Anopsy, they are heard clearly. Check them out without fear!”

"O EP abre com o assassinato ‘Sequels of a Hammer’, uma música bem intensa e pesada, sem ser à velocidade da luz, com ótimas variações rítmicas na bateria e bases de guitarras bem chapadas; seguindo ‘Anatopathologic’ é um pouco mais candenciada, mas que possui inúmeras variações em seu andamento por toda a música, com baixo e bateria se destacando pelo peso cavalar que se faz presente por toda a faixa, bem como na música seguinte, ‘Tasting Rotten Pussy’, onde o típico vocal gutural extremo (que alguns teimam em chamar simplesmente de vocal à lá ‘porco sendo morto’), mostra um trampo bem eficiente, bem como o baixo dá alguns toques bem jazzísticos bem interessantes, fora umas surpresinhas nela que deixo para que os leitores possam comprovar por si mesmos..."

"A fórmula de composição adotada pelo Anopsy prende a atenção logo em sua primeira audição, especialmente pela diversidade encontrada nos temas componentes de Anguish Of Torture, com esse fator garantido devido à criatividade celebrada pelos integrantes no material. Durante sua audição, é mostrada uma dosagem nas partes instrumentais, pois além de executar passagens dentro das características embrionárias do grupo - este focado em andamentos intensos, rápidos e agressivos -, as composições possuem uma injeção de levadas mais cadenciadas que, com certeza, tornam-se um dos pontos positivos encontrados no material."

“ Very good death/splatter band from Caxias (Rio de Janeiro). Songs are very well built, giving space to extreme passages with blast beats, and others with more cadence (it reminds us Cock and Ball Torture, some influences of the band).”